sexta-feira, setembro 18, 2009

A estrela da amizade

Ao olhar para o cosmos em
noites de luar,
vejo um céu pleno de estrelas,
cada uma com seu tamanho
e cores a brilhar...

Aquelas que mais brilham
são as que me chamam atenção,
pelas suas magnitudes
despertando minha admiração...

Tal qual o céu no cosmos infinito,
assim é meu coração, um céu estelar,
infinitamente com espaço
para mais estrelas eu amar...

Espaço suficiente para
guardar novas estrelas
sem que se apague o lindo
brilho das demais...

As estrelas que estão guardadas
em meu coração, são todas
aquelas pessoas que fazem parte
da história da minha vida...

Estrelas reais e virtuais,
ambas com suas grandezas,
nomes brilhantes,
sentimentos e belezas...

Mas existe uma que me chama
mais atenção,
aquela que desperta em mim
amor, carinho, atenção e admiração...

Essa estrela tem o seu nome
e se chama...

AMIZADE!

Elias Akhenaton.

terça-feira, setembro 15, 2009

A sensibilidade da poesia

A poesia me encanta com

sua sensibilidade e magia,
verdadeira pedra de Alquimia...
Me acalanta em todos os
momentos do dia...

Inspira-me, falando de sentimentos
que tocam ao coração,
são expressões d’Alma triste ou feliz

recitadas com emoção...
A poesia é a Luz que clareia
meu caminhar,fonte de contemplação

do meu amar, do meu sonhar...
Contemplação que nasce do jardim
secreto de minh’Alma,
na delicadeza de uma mística
rubra flor
com suas suaves pétalas de amor...
A poesia enleva meu espírito a
transcender o universo,como nestes simples traçados

e versejados versos.

Elias Akhenaton.

sua sensibilidade e magia,
verdadeira pedra de Alquimia...
Me acalanta em todos os
momentos do dia...

Inspira-me, falando de sentimentos
que tocam ao coração,
são expressões d’Alma triste ou feliz

recitadas com emoção...
A poesia é a Luz que clareia
meu caminhar,fonte de contemplação

do meu amar, do meu sonhar...
Contemplação que nasce do jardim
secreto de minh’Alma,
na delicadeza de uma mística
rubra flor
com suas suaves pétalas de amor...
A poesia enleva meu espírito a
transcender o universo,
como nestes simples traçados
e versejados versos.

Elias Akhenaton.

domingo, setembro 13, 2009

Teus olhos azuis

Teus olhos azuis cor de anil,
Da cor do mar,
Faz-me amar.
São duas jóias preciosas,
Dois diamantes irradiando;
Luz, meiguice e doçura de
Uma mulher menina
Que me fascina.
Quando olho para os olhos teus,
Sinto a paz que tanto necessito,
Porque mostra um amor puro,
Que sai do teu interior,
Do interior de tua linda alma,
Refletido delicadamente
Pela divina luz dos olhos teus,
Obra prima criada por Deus!

-**-Elias Akhenaton-**-