sábado, maio 15, 2010

Sob a Luz do Sol


“Das altas montanhas
Descendo entre os canteiros
Floridos, chega um vento
Brando e suave
Impregnado com aromas
Frescos matinais,
Perfumando minha mente...
E na fluidez etérea do pensamento,
Clareia no oriente
A luz mística do sol
Nascente,
Num espetáculo inigualável
Na magia dos seus raios dourados,
Revelando;
Um lindo dia...
Cenário propício para alegria,
Cantar a melodia
Da inspirada e doce poesia.”

-**-Elias Akhenaton-**-
"Um peregrino da vida, pescador de emoções."


2 comentários:

  1. Olá Elias!

    Parabéns eterno aprendiz, porque os teus versos são maravilhosos...

    Um beijo e bom domingo!

    ResponderExcluir
  2. Oh ganância prateada
    Oh hereditário egoísmo
    Da mãe lua que aparece
    Durante o dia junto a ti sol
    Mas que quer só para si a noite
    Escusa-nos sol, somos filhos da lua
    Filhos gananciosos disfarçados
    Em luz dourada a passear pelo dia.
    SUAS PALAVRAS SÃO DIVINAS PARABÉNS

    ResponderExcluir