sábado, março 12, 2011

Te necessito...


Te necessito
assim como os versos
dum poema, da melodia
da inspirada poesia.

Te necessito
p’ro pulsar do meu coração.
És a proteção da minha vida,
Meu refúgio, minha guarida.

Te necessito
assim como a primavera
necessita das flores,
à praia ao mar e as estrelas ao luar.

Te necesito
mirar tus ojos,
reflejos de mi alma,
mansión de tu amor.

Te necessito
enfim, p’ra respirar,
és meu ar, meu viver!
Alma gêmea do meu ser.

-**-Elias Akhenaton-**-

Nenhum comentário:

Postar um comentário