domingo, novembro 20, 2011

A sutileza da natureza

Meus pensamentos voam
Em direção ao prado celeste,
Procurando inspiração
Na natureza agreste.

Sou um amante da natureza,
Manifestação de Deus criador,
Fonte divina de pura beleza,
Concebida com muito amor.

Amo à cor verde esperança das matas
E o lindo canto dos pássaros,
Um acalento em forma de serenata,
Que acalma e dirige meus atos.

Adoro os animais nela existentes,
As cachoeiras e suas cascatas,
Os demais entes sobreviventes,
Que bebem de suas águas.

Agradeço a Deus pela riqueza
De ter a mãe natureza,
Com sua prístina beleza -
Fonte de mistério e sutileza.

-**-Elias Akhenaton-**-



4 comentários:

  1. Aqui descanso minha alma e aqueço meu coração

    Amo você

    beijos

    Ceiça Bentes

    ResponderExcluir
  2. O que vale na vida não é o ponto de partida e sim a caminhada,
    Caminhando e semeando, no fim terás o que colher. (Cora Coralina)

    Bom dia com flores e poesia! M@ria

    ResponderExcluir
  3. Olá Elias! Há algum tempo já o visito mas nunca comentei. Tenho seu blog entre os meus favoritos pois o considero de uma sensibilidade mágica. E hj, diante de meus primeiros passos pelo blogspot resolvi deixar expressa aqui a minha admiração pelo seu recanto. Vc tem alma especial! Abraços de luz e que Deus esteja sempre com vc!

    ResponderExcluir
  4. Pena que nem todos tenham tanto amor pelas belezas da natureza! Para mim, assim como para você, ela é fonte de inspiração e admiração. Abraço amigo.

    ResponderExcluir