terça-feira, julho 03, 2012

Determinação de águia

















 
Como uma águia,
Minh’alma plana a céu aberto
E lá no alto faz voos
Suaves renovando o ar que respira

Na mais plena liberdade...
Transmuto em arcana alquimia
Meus pensamentos,
Nutrindo-me com o calor
De nobres sentimentos...
Quando descer,
Quero pousar num pedaço de chão
Onde possa encontrar meu santuário,
Falando de coisas que tocam ao coração
Com inspiração e emoção...
Quero falar da beleza do amor
E na essência da flor...
Ter determinação e garra,
Igualmente a uma águia para
Os objetivos alcançar...
Eternamente amar!


-**-Elias Akhenaton-**-

2 comentários:

  1. Muito lindo seu poema, forte e instigante, gostamos muito...um abraço de José e Maria

    ResponderExcluir
  2. Oii Elias, agradeço a visita e por me seguir, tem lindos poemas por aki, me identifico muito com a história das águias que precisam renascer aos 35 anos, gostei muuito do blog! Volte sempre! Abraços

    ResponderExcluir