terça-feira, julho 03, 2012

Mensageiro da Emoção






















Sou mensageiro
E pescador de emoções...
Um viajante, missionário,
Um cavaleiro solitário
Trilhando sua senda.

Contemplo o mar,
O céu, o luar.
Contemplo o rio em sua nascente,
O sol no oriente,
Seu crepúsculo poente.

Na chuva enfrento às torrentes,
Da tristeza faço o meu tema,
Da esperança faço o meu lema
E assim vou tecendo meu poema.

Sou mensageiro da emoção,
Com o cinzel n’alma,
Com o coração aberto, pena na mão,
De coração para coração,
Vou com devoção,
Como uma prece, uma oração,
Revelando minha inspiração.

-**-Elias Akhenaton-**-


5 comentários:

  1. Bela obra, Elias.
    Passagens nutridas de sentimentos que vieram da alma.
    Grande abraço e sucesso!

    ResponderExcluir
  2. Elias,
    assim é o poeta...tece a vida
    e
    "...vê
    o arco de cores vivas
    nas cores mortas de uma história sem rimas...
    e rima. " Nina Machado

    Voltei...estou amando ler seus poemas.

    ResponderExcluir
  3. Ellias, parabéns. Tô encantada com seus poemas. São tão lindos, tão intensos e ao mesmo tempo tão simples. E, acho que foi isso que me encantou mais. Abraços e seja bem vindo ao meu blog.
    http://derepentecrieiumblog.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Lindo seu poema.Obrigada pela visita e seu comentário beijos.

    ResponderExcluir
  5. Prazer em conhecer seu blog.
    Abraços,

    Bíndi e Ghost

    ResponderExcluir