segunda-feira, dezembro 10, 2012

Coração em pedaços




Oh minha amada! Por onde andas?
Choro com saudades, sentindo
A tua falta, do nosso jeito de amar
Nas ardentes noites ao luar.

A flor do amor que florescia em meu peito
Com suas suaves pétalas, despetalou,
Mas o seu cheiro em mim ficou,
Enraizado p’ra sempre por ti meu amor.

Eu que outrora vivia transbordando
Alegria, felicidade; hoje caminha
Por ai sem rumo - moribundo,
Vagando tristemente pelo mundo.

Volta amor meu... Volta para junto
De mim... Vem florescer a flor
De minh'alma com os teus carinhos,
Faz-me sentir que ainda sou teu.

Se porventura eu te magoei, perdoe-me,
Jamais magoaria meu próprio coração,
Pois estás dentro dele, é por ti que ele pulsa...
Meu motivo de ser - razão do meu viver.

-**-Elias Akhenaton-**-
“Um peregrino da vida, pescador de emoções.”

7 comentários:

  1. Excepcionalmente belo!!!
    Tocou profundamente meu ser...
    Bjs
    Nicinha

    ResponderExcluir
  2. Oi Elias
    Adorei a sua poesia, sem a preocupação de rimar.
    Soltou o peito e saíram lindas emoções
    Fascinante
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderExcluir
  3. Triste... pero maravilloso!
    Te dejo un fuerte abrazo, bonito miércoles!

    ResponderExcluir
  4. Oi Elias
    Tudo bem?
    Vim pra dizer bom dia
    Lua Singular

    ResponderExcluir
  5. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  6. Tudo muito lindo poeta!
    Parabéns!
    Grande beijo
    Eu! Leilinha

    ResponderExcluir