domingo, abril 28, 2013

Alma de Guerreiro
















No fecundo jardim da existência,
Sentimos o cheiro de variadas flores,
Cada qual com sua íntima essência.
Em umas alegrias, noutras dissabores.

Faz parte de nossa vida, trajetória,
É mister nunca perder a esperança,
Deixar o nome escrito na história
Daquele que lutou com confiança.

Confiança dum bravo cavaleiro,
Que com fé - conquistou o santo graal
Dentro de sua alma de guerreiro.

E unindo à força com a determinação,
Usou o segredo de forma especial,
Vencendo à sua mais triste emoção.

-**-Elias Akhenaton-**-
“Um peregrino da vida, pescador de emoções.”


4 comentários:

  1. Que contenido tan hermoso tienen tus letras Elias, un guerrero templario que lucha y protege el santo grial como la flor más bonita.
    Me encantó leerte, te dejo un fuerte abrazo, bonita noche!

    ResponderExcluir
  2. Parabéns pelo belo soneto, lindo não só no conteúdo, mas também na forma! Bjs, bom final de semana!

    ResponderExcluir
  3. De fato, poeta, a vida é feita mesmo de alegrias, e dissabores, e ainda bem que existe a magia da poesia que nos possibilita expressar sentimentos. Que possamos nós outros, também, vencer nossas tristes emoções.

    Foi um prazer vir aqui.

    Beijos da Lu...

    ResponderExcluir
  4. A este POST...respondo segundo ELIAS A.

    " Vai GUERREIRO, voa, renova à força, a fé do teu coração,
    Volta a bater tua ESPADA, em teu trepidante bailar,
    Enxuga teu pranto... Canta tua doce canção!

    -**-Elias Akhenaton-**-

    Um abraço, fica com DEUS...sempre!

    ResponderExcluir